Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




E mais um Bodo se passou

por Papão da Fantasia, em 29.07.15

Como todos os anos, no final do mês de Julho, a cidade de Pombal encheu e ganhou vida durante estas Festas do Bodo. Como todos os anos, gosto destes dias cheios de cor e de música, que deixam todos mais alegres. Mas este ano, especialmente, adorei esta semana cuja principal diferença em relação aos outros anos foi o alargamento dos dias de concertos. 6 dias, aliás, 6 noites preenchidas por grandes bandas, cantores e DJs que animaram a cidade. Na minha opinião, este Bodo contou com um dos melhores cartazes dos últimos anos.

 Carta Festa do Bodo 2015 Pombal.jpg

 

Esta foi a minha parte favorita. Assisti a quatro destes maravilhosos concertos: Silk, uma banda pombalense onde está integrada a nossa querida blogger Bata&Batom; assisti ao concerto dos D.A.M.A. na sexta e no sábado fui maltratar os meus ouvidos ao lado de uma coluna de som. Mas foi por uma causa (eles já me perdoaram), pois vale sempre a pena ver uma banda ao vivo como os The Gift.

Quanto ao concerto mais aguardado, esse foi no domingo. A presença dos GNR encheu completamente o recinto dos concertos, para se poder ouvir o que de melhor se faz ao nível do Rock português.

IMG_20150727_005117.jpg

 E para o ano há mais!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Ai, esta nostalgia que me invade...

por Papão da Fantasia, em 05.06.15

Parece que foi ontém que tudo começou. Mas já lá vão 12 anos desde que eu entrei para a escola primária, uma escola que, aos olhos da míuda que eu fui, era gigantesca, mas que com o passar dos anos adquiriu o estatuto da pequena escola primária que eu recordo com muito carinho.

Na verdade,o que aconteceu ontém foi o meu último dia de aulas na escola Secundária que até agora tenho frequentado. Desde que lá entrei, há seis anos atrás, muitas coisas mudaram, não só no edíficio da escola, mas na comunidade edificada que se lá formou. Nestes seis anos, pude ver a escola a modernizar-se, com as obras de remodelação, pude ver novos alunos a chegar, os aluns mais velhos a sair e, acima de tudo, pude construir amizades que marcarão para sempre a minha vida. Também esta mudou...

E ontém foi o meu último dia de aulas...

Apesar de também já estar a ficar cansada da monotonia que se vai instalando com o passar do tempo, não pude deixar de sentir um saudosismo antecipado, uma pequena tristezalegria (não encontrarão esta palavra no dicionário porque acabei de a inventar) por deixar aquele espaço que, de um certo modo, também me viu crescer. É claro que conto lá voltar. Ainda tenho que fazer os exames, vou ter aulas de esclarecimento de dúvidas, mas, a simbologia deste dia fez com que, no momento em que saí dos portões da escola me viessem as lágrimas aos olhos.

Apesar de tudo, este foi um tempo feliz.

 

Por isso, OBRIGADO, ESCOLA SECUNDÁRIA, POR ME AJUDARES A SER QUEM SOU!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Desafiada a ser dESarrumada

por Papão da Fantasia, em 02.06.15

Obrigada Chefe Cá do Povo, por mais um desafio:

 

 

1. Escrever 11 factos sobre nós próprios;

1 - Eu não preciso de ser desafiada a ser desarrumada, porque isso é uma característica que me define; 2 - Toco clarinete, 3 - Adoro ler 4 - Adoro ouvir música, principalmente OneRepublic. 5 - Sou fã do maior clube nacional, que até ganhou sexta feira mais um troféu (Ninguém pára o Benfica, Olé) , 6 - Não sei que curso e que hei de escolher; 7 - Adoro animais  8 - se a minha vida pudesse ser definida por uma imagem, eu escolhia uma floresta cheia de árvores verdejantes, com uma cascata bonita e um pôr do sol deslumbrante,  9 - Estou completamente viciada (e pela primeira vez) na música que venceu a Eurovisão (Heroes, interpretada pela Suécia) 10 - adoro pizza; 11 - gostava de conhecer todo e qualquer recanto deste mundo

2. Responder às perguntas que nos colocaram

 

  1. Porque criaste o blog? A minha primeira intenção ao criar um blog foi ter um espaço onde pudesse divulgar a minha opinião acerca dos livros que leio.
  2. Qual o teu tipo de comida favorita? Como já referi antes, pizza.
  3. Qual o país sem ser Portugal onde gostarias de passar o resto da tua vida? Reino Unido
  4. Qual a pessoa que teve mais importância nos últimos anos da tua vida? O meu avô. Encorajou-me sempre para estudar e ser empenhada.
  5. Se pudesses pedir três desejos neste momento, quais pedirias? Que o futuro só me reserve coisas boas; ser feliz; descobrir o que verdadeiramente quero de mim.
  6. Qual foi o melhor ano da tua vida? O ano de 2014. Realizei um sonho muito importante para mim.
  7. Quais as tuas espectativas em relação ao blog para o futuro? Que eu consiga continuar a alimentará-lo.
  8. Sem ser sobre o blog, o que fazes na vida? (Estudante, trabalhas, nada e etc)? Sou estudante
  9. Conseguirias descrever a tua vida com apenas 3 palavras? Se sim, quais? Não. Mas como uma imagem vale maiores que mil palavras, escolho a imagem do facto 8.
  10. Tens algum objeto/ animal que tenha uma simbologia especial para ti? Claro que sim, o meu gato.
  11. Na tua opinião, qual a maior virtude que uma pessoa pode ter? Honestidade

3. Nomear 11 blogs com menos de 200 seguidores;

Alice Alfazema

M*

Wine&Lipstick

Marrocos e o Destino

A Framboesa

Vera Pinto

Nathy

Charneca em Flor

Jessica

Ritinha

A

4. Fazer 11 perguntas a esses blogs nomeados;

  1. Qualo melhor motivo para ter um blog?
  2. Qual o teu maior sonho?
  3. Qual é o melhor argumento para se ser feliz?
  4. Qual a pessoa que teve mais importância nos últimos anos da tua vida?
  5. A que outras atividades te dedicas?
  6. Que país é que gostarias de conhecer melhor?
  7. Qual foi o melhor livro que já leste?
  8. Que imagem é que podia definir a tua vida?
  9. Conseguirias descrever a tua vida com apenas 3 palavras? Se sim, quais?
  10. Qual é o teu animal favorito?
  11. Na tua opinião, qual a maior virtude que uma pessoa pode ter?

5. Colocar a foto do Liebster Award no post;

18374775_sfddZ.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


E hoje estou de volta

por Papão da Fantasia, em 29.05.15

Bem, parece mesmo que não consigo mesmo cumprir com aquilo que prometo e, quando parece que tenho menos tempo é que me lembro de deixar algo no meu cantinho. Tantas coisas que quero partilhar e, agora que se aproximam os últimos exames do Secundário é que venho cá escrever.

Antes de mais, este é sobretudo um tempo para refletir sobre que rumo hei de dar à minha vida e que escolhas é que hei-de fazer. E lembrei-me: vou partilhar uma das minhas experiências das férias da Páscoa. Como nos últimos dois anos, também este ano fui passar três dias numa aldeia escondida entre as serras, num retiro espiritual e de partilha. Como gosto muito de ler, levei o livro que estava a ler na altura: Livre, de Cheryl Strayed, uma autobiografia, na altura em que a autora toma a decisão mais arriscada da sua vida - percorrer a pé uma parte do trilho montanhoso do Pacífico (PCT) para recuperar o tempo perdido da sua vida. Num dos meus tempos livres, decidi ir conhecer melhor os extremos da aldeia com alguns amigos e levei comigo esse livro. Ao observar as belas paisagens que a Natureza me proporcionava, percebi que, tal como acontece com a autora, a Natureza é um local que me convida à reflexão. Achei bastante oportuno este meu pensamento e não consegui resistir a registar esse momento.

IMG_20150330_151809[1].jpg

 

Faz-me pensar. Às vezes temos o paraíso o nosso lado e não o sabemos reconhecer. Quantas vezes é apenas necessário sentarmo-nos num sítio calmo, ver um rio a correr, a água a descer numa cascata e sentir o vento na cara para descobrirmos a paz interior...

IMG_20150330_151854[1].jpg

Quantas vezes os nossos olhos só precisam disto para sentir o mais puro que há em nós...

Autoria e outros dados (tags, etc)


Tempo para acordar...

por Papão da Fantasia, em 20.03.15

Literalmente ou não, este é um tempo em que parece que o mundo desperta para a beleza das coisas. Hoje, no dia em que começa a primavera, há que celebrar uma natureza que desperta para um mundo cheio de cor, alegria e felicidade, em que as flores começam a desabrochar e as árvores se preparam para nos dar tudo o que têm de melhor. Enfim, um misto de cor e vivacidade ao qual não conseguimos (nem podemos) ficar indiferentes.

primavera.png

 

Quando penso sobre isto, lembro-me que também nós temos que acordar para a vida, aproveitar os momentos bons que ela nos dá e usar os acontecimentos menos bons como forma de aprendermos a superar as nossas dificuldades e os nossos desafios diários.

 

E deixo-vos mais uma vez com uma música, que também gosto muito, para um feliz início de primavera...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Follow Friday

por Papão da Fantasia, em 06.03.15

De volta ao blog, depois de uma longa pausa, apercebo-me que hoje é a Follow Friday e achei que esta era uma boa tarefa para hoje, que consistia em divulgar um blog que gostamos muito...

 

Acho que não vou fazer isso. Não vou divulgar um blog, mas antes dois: o blog Bata&Batom, unico, pelas temáticas que aborda e pela forma como a BB o faz e o blog À Grande e À Portuguesa, um espaço muito agradável aos olhos... e, com certeza, ao paladar.

 

Muito mais blogs eu gostaria de mencionar, mas já estou a quebrar as regras...

Autoria e outros dados (tags, etc)


Os portugueses e a internet...

por Papão da Fantasia, em 22.01.15

Segundo um estudo da Marktest, cada português passou em média cerca de 246 horas na internet durante o ano anterior, sendo que este número só é relativo a computadores pessoais. O mês de Junho foi aquele em que os portugueses despenderam mais tempo na internet, aproximando-se a cerca de 23 horas e 49 minutos, o que nem chega a uma hora por dia. Será que estamos livres de preocupação? Será que tudo o que se diz acerca de nos tornármos cada vez mais sedentários e dependentes da internet não passa de um mito, um reflexo destes nossos medos?

 

Não sei, pois este estudo só abrange computadores pessoais. E as horas que passamos a consultar a internet no telemóvel? Será que este número incrementa assim tanto esta estatística que nos tenhamos que preocupar?

 

Reflexões à parte, resta-me dar destaque ao SAPO, pois foi um dos sites que lideraram as consultas dos portugueses no mês de Dezembro.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Ainda acerca da Blue Monday

por Papão da Fantasia, em 21.01.15

Falando ainda acerca da segunda-feira, se diziam que ia ser azul estavam engandos.Vejamos o presente da Natureza:

IMG_20150119_174808[1].jpg

 

 Não lhe chamaria azul, não...

Quanto às resoluções de ano novo, acho que até agora não estão a falhar. E um pouco de música inspiradora não deixaria este ser um mau dia!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Contrariedades

por Papão da Fantasia, em 20.01.15

Não! Eu não vou falar nem analisar este poema de Cesário Verde que gosto muito. Literatura é com o meu outro blog.

 

Vou antes falar de outras contrariedades... Relativas ao dia de ontém. Para quem não sabe, ontém foi a Blue Monday, ou seja a segunda-feira (e aliás, o dia) mais deprimente do ano, em que sentimos o culminar dos fracassos das nossas resoluções de ano novo, em que nos preocupamos com os excessos, enfim, uma data de coisas que nos preocupa. Não diria que o dia de ontém foi deprimente. Acho que extasiante é a palavra certa. Uma segunda-feira, por si só, já é um dia mau. É aquele dia, a seguir a um fim de semana de descanso (ou não!) em que as pessoas têm que se levantar mais cedo, para trabalhar/estudar, em que se preparam para uma nova semana cheia de desafios. No meu caso, isto não é verdade: não tenho aulas de manhã, até pude cozinhar.

 

No final de um dia bem passado e de uma tarde de aulas, fui passar uma hora na piscina, onde cansando-me, curei os cansaços de uma semana.

 

Acho que o meu dia nem foi assim tão mau quanto previa o jornal britânico.

Autoria e outros dados (tags, etc)


E depois da tempestade vem a bonança...

por Papão da Fantasia, em 16.01.15

Hoje, mais um provérbio popular (e também o estado do tempo) me ajudou a refletir. Segundo a sabedoria popular, depois da tempestade vem sempre a bonança e no dia de hoje já pude comprovar este provérbio em duas situações. 

 

arco-iris-2187.jpg

 

De facto, esta manhã choveu muito e a trovoada fez-se ouvir, mas, algumas horas depois, ao sair à rua, pude comprovar que um sol brilhante se erguia, pronto a dar vivacidade ao dia, como se nem tivesse chovido. Este fenómeno meteorológico fez-me refletir acerca da minha semana. Também esta foi uma semana de cansaços e tribulações, em que tive que ler dois romances e estudar para uma avaliação de matemática, e em que me deitei três dias seguidos já depois da 1 hora da manhã. E hoje, finalmente, chegou a minha "bonança": depois de tantos dias de cansaço, como não tenho aulas à sexta-feira, foi o meu dia para descansar... e para cozinhar.

 

E assim se passou uma semana!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D